mirtilo
mirtilo

Blueberry: a fruta da juventude e que faz bem para a visão

por Redação
em 2 de maio de 2017

“A fruta da longevidade”. Assim também pode ser conhecida uma frutinha roxa e pequena de nome complicado, chamada blueberry (ou mirtilo, em português). Ainda pouco consumida no Brasil, ela é originária dos Estados Unidos e da Europa, onde há um clima mais frio, propenso para seu plantio, e em terras brasileiras é cultivada no Rio Grande do Sul. Se você ainda não conhece esse alimento que ajuda a prolongar a juventude, entenda agora o porquê dessa fama do blueberry e outros benefícios que ele confere para a sua saúde.

O que é o blueberry?

O blueberry tem a fama de ser o “rei dos antioxidantes”, graças à sua riqueza de nutrientes como flavonoides, antocianidinas e resveratrol, que combatem o ataque dos radicais livres nas células. O teor dessas substâncias na casca e na poupa da fruta é tão alto que ultrapassa, até mesmo, vegetais como o espinafre, o repolho e os brócolis.  Essa frutinha milagrosa ainda ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL) no sangue, tem ação anti-inflamatória e protege o cérebro dos efeitos de deterioração ligada à doenças degenerativas. E quer outra vantagem do mirtilo? Ele ainda é pouco calórico, o que é ótimo para quem faz dietas. Cada 100 gramas da fruta têm apenas 32 calorias.

Quais os nutrientes do blueberry?

Além dos poderosos antioxidantes, o blueberry contém ainda antocianinas, que são responsáveis pela sua coloração e uma pequena quantidade de vitamina C, vitamina A e vitamina E. A fruta ainda apresenta em sua composição vitaminas do complexo B, como a B6, que ajuda o corpo a metabolizar carboidratos, proteínas e gorduras.

Os minerais também estão presentes, como o potássio, que auxilia no controle da frequência cardíaca e na pressão arterial. Já o cobre é importante para produzir células vermelhas do sangue, e o ferro para a formação dos glóbulos vermelhos.

A fruta é boa opção para os diabéticos?

O mirtilo possui um baixo índice glicêmico e, por isso, é considerada uma boa opção para quem possui diabetes. Isso quer dizer que o consumo da fruta não eleva os níveis de glicose do sangue, o que ajuda a controlar a glicemia. Estudos mostram ainda que as antocianinas encontradas no blueberry melhoram o quadro de sensibilidade à insulina, o que é benéfico para quem tem chances maiores de desenvolver diabetes do tipo 2.

Apesar dos benefícios apontados, portadores da doença devem consultar o médico ou nutricionista antes de consumir a fruta, uma vez que a ingestão combinada com alguns medicamentos pode causar quadros de hipoglicemia.

LEIA MAIS
Turbine o seu cardápio com as nossas Superfrutas

Por que o blueberry é conhecido como a “fruta da longevidade”?

Para entender essa fama da fruta, é preciso saber antes a função dos antioxidantes em nosso organismo. Eles são responsáveis por combater os radicais livres, que atacam células saudáveis do nosso corpo e causam o desenvolvimento de diversas doenças, além do envelhecimento precoce.

Entre os órgãos que sofrem com o ataque dos radicais livres está a pele. Como o mirtilo é rico em antioxidantes, ele ajuda a proteger a pele, o que a deixa mais bonita e com aspecto jovem por mais tempo. Além disso, a fruta contém vitamina C, que ajuda a tonificar os vasos sanguíneos da derme, o que evita o desenvolvimento de alguns vasinhos, que são resultados da ruptura dos capilares sanguíneos.

As fibras também, indiretamente, ajudam nessa juventude. Isso porque, como elas promovem um melhor funcionamento da flora intestinal, colaboram na “desintoxicação” do organismo, o que reflete na pele.

blueberry

Foto: Istock/Getty Images

A fruta confere benefícios para a visão?

Por ser rico em antocianina, o blueberry ajuda na melhora da visão noturna e reduz aquela sensação de “vista cansada” habitual especialmente entre quem passa muito tempo em frente à televisão ou ao computador.

O blueberry ainda auxilia na prevenção de problemas que comumente são desenvolvidos ao longo dos anos, como secura dos olhos, infecções, miopia e hipermetropia, degeneração macular e catarata.

O mirtilo ajuda a emagrecer?

Antes de responder essa pergunta, lembramos sempre que nenhum alimento por si só tem o poder de emagrecer. Isso só é possível se houver uma combinação de alimentação saudável e balanceada com a prática regular de exercícios físicos.

Dito isso, o que acontece é que o mirtilo pode ajudar nesse processo de emagrecimento, se acompanhado desses hábitos. Primeiro, porque a fruta possui baixo teor de calorias. Em segundo lugar, por ter baixo índice glicêmico e conter fibras, o blueberry é digerido mais lentamente pelo organismo, o que prolonga a sensação de saciedade. Por fim, o manganês ajuda na queima de carboidratos e da gordura abdominal, que é inclusive um fator de risco para o desenvolvimento de doenças cardíacas.

Como incluir o mirtilo na dieta?

A forma mais comum de consumo da fruta é congelada. Seja assim, desidratada ou in natura, é possível acrescentá-la em vitaminas, iogurtes e sucos. Também vale ingerir o mirtilo com cereais ou saladas de frutas e utilizá-lo em receitas de geléias, bolos, biscoitos e tortas.

O blueberry congelado perde nutrientes?

A versão congelada é uma boa forma de consumir essa fruta. Além de ser mais fácil achar dessa maneira para comprar, ela ainda preserva até 85% das vitaminas e propriedades nutricionais e antioxidantes em comparação à fruta in natura. Após o congelamento em, pelo menos, -17º C, é possível consumir a fruta por até seis meses.

Receita com blueberry

Bolo natalino com nozes e blueberries

Sugestão Jasmine

Gostou de saber dos benefícios do blueberry para a saúde? No portfólio de produtos da Jasmine você encontra o Mix Fruits, um snack natural de cranberry e blueberry desidratados em suco de maçã, goji berry desidratado, uva-passa, maçã desidratada em cubos, sem adição de conservantes, aromas ou corantes e pronto para o consumo. Esta combinação das “superfrutas” contém naturalmente propriedades antioxidantes e elevada concentração de vitaminas C e E. Os polifenóis naturais presentes nestas frutas auxiliam na prevenção da ação dos radicais livres. Experimente esse produto!


Compartilhe
Assine nossa newsletter para receber artigos exclusivos como esse
Newsletter

Faça parte desse movimento pela alimentação consciente!