açaí
açaí

Açaí: fruta tropical saborosa e aliada dos atletas

por Redação
em 24 de abril de 2017

Uma joia natural amazônica. Assim pode ser considerado o açaí, frutinha roxa com alto valor nutricional, típica da região Norte do país e um dos nossos tesouros tropicais. A fruta é famosa não só por conferir energia, mas também por sua versatilidade. Na Amazônia ela é consumida gelada com farinha ou como pirão, servida com peixe. É possível ainda apreciá-la in natura com cereais ou banana, ou também como sucos, sorvetes e geleias. Opções não faltam para aproveitar o sabor delicioso do açaí e todos os seus benefícios.

Qual a origem do açaí?

Embora seja uma das frutas mais conhecidas do país, até a década de 1980 o açaí era consumido, basicamente, na região Norte. Apenas depois da segunda metade dessa década é que ela passou a ganhar espaço no resto do Brasil e virou opção queridinha de atletas e de quem privilegia uma dieta mais saudável, rica em nutrientes.

Quais as propriedades do açaí?

As propriedades nutricionais do açaí são inversamente proporcionais ao seu tamanho. A fruta é rica em minerais como cálcio e potássio, por isso ajuda no fortalecimento dos ossos e, consequentemente, na prevenção da osteoporose. Ainda é fonte de ferro e fósforo.

O açaí possui mais propriedades antioxidantes do que a uva e, em conjunto com a vitamina E, reduz o colesterol ruim e melhora a circulação sanguínea. O resultado disso é ainda o combate ao envelhecimento precoce e a prevenção de diversas doenças cardiovasculares.

Por que a fruta é boa opção para quem deseja emagrecer?

Essa é uma fruta fonte de fibras, por isso ela confere uma maior sensação de saciedade ao ser consumida. E essa é uma das razões de ela ser vista como uma aliada da dieta. Afinal, se você sente menos fome, come menos e assim perde peso.

Mas atenção: o açaí é rico em carboidratos e, se você não se exercita regularmente e exagera no consumo da fruta, o resultado poderá ser o acúmulo de gordura. Por isso, é essencial inseri-lo dentro de uma dieta saudável e balanceada, além de não abrir mão da prática regular de exercícios físicos.

acai

Foto: Istock/Getty Images

Por que o açaí é indicado para atletas?

O fato de o açaí ser rico em carboidratos é o que faz dele uma poderosa fonte de energia para atletas. Isso porque esses nutrientes repõem a glicose que é eliminada durante o treino, o que promove uma melhor recuperação após a atividade. Estudos mostram que o hábito de consumir o açaí aumenta o tempo que os atletas levam para chegar ao estado de exaustão, além de reduzir o estresse oxidativo e os danos musculares causados pelo exercício.

Além disso, as vitaminas, fibras e minerais presentes na fruta ajudam na manutenção da saúde do corpo e o mantêm mais forte. O potássio, por exemplo, ajuda a evitar desconfortos ocasionados por má circulação e as câimbras.

Vale consumir o açaí no pré-treino, para ter energia para realizar a prática, ou no pós-treino, para recuperar os nutrientes essenciais, sempre acompanhado de uma dieta adequada ao seu perfil e necessidades.  A dica é consultar um nutricionista, que é o profissional apto a recomendar a melhor forma de inserir esse e outros alimentos no cardápio.

LEIA MAIS
O poder das superfrutas: Cranberry, Açaí e Goji Berry

Açaí previne o câncer?

O que faz do açaí um aliado na prevenção dessa temida doença é uma gordura essencial chamada ácido oleico. Esse ácido tem três ações potenciais no organismo: bloquear os genes que causam o câncer, retardar o desenvolvimento de tumores e promover a autodestruição das células cancerígenas.

Outro grande trunfo da fruta são as antocianinas. Essas substâncias ajudam a manter as células fortes e saudáveis, o que evita que elas fiquem vulneráveis a ataques dos radicais livres. O resultado é não apenas a prevenção do câncer, mas também o aparecimento de doenças cardiovasculares e neurodegenerativas, além de alergias. Até por isso o consumo do açaí é importante para quem possui deficiências nutricionais ou cumpre uma dieta muito restritiva.

O consumo excessivo de açaí faz mal?

Ao mesmo tempo em que os carboidratos são grande aliados dos atletas por conferirem energia, eles podem ser inimigos de quem não pratica atividades físicas e consome a fruta em excesso. Isso porque o corpo armazena essa quantidade excessiva e a transforma em gordura. Além disso, essa ingestão acima do recomendado pode levar ao desenvolvimento de diabetes.

É importante ainda ficar atento ao tipo de açaí consumido. Isso porque, especialmente no Sudeste do país, é muito comum a fruta vendida em pasta e adoçada com xarope de guaraná, além de vir acompanhada de ingredientes como granola e banana. Esses ingredientes tornam a preparação ainda mais calórica, o que colabora para o ganho de peso. O indicado é apostar em porções pequenas, que equivalham a, no máximo, 6% do consumo diário de calorias, e evitar esses complementos calóricos. Mas, como sempre recomendamos por aqui, apenas o médico nutricionista poderá indicar a quantidade e a melhor forma de consumo, com base no seu perfil físico, estilo de vida e necessidades.

Como fazer milk shake e suco de açaí saudáveis?

Milk shake

Ingredientes:
250 g de polpa de açaí pronta para o consumo
1 copo de leite de amêndoas ou 200 gras de iogurte grego

Modo de preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificar e sirva em seguida. Se desejar, acrescente gelo.

Suco

Ingredientes:
Uma polpa de açaí
Uma fatia de mamão
Uma maçã
200ml de água.

Modo de preparo:
Bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva gelado. Não acrescente açúcar ou adoçantes.

Sugestão Jasmine

Gostou de conhecer todos os benefícios do açaí para a saúde? No nosso portfólio de produtos, contamos com algumas opções saudáveis que levam essa fruta na receita. A Super Fruit Bar conta com três barras de cereais de 22g. Formulada com pedacinhos de frutas vermelhas como açaí, cranberry, morango e amora, é ideal para um paladar mais cítrico. Reúne o melhor das frutas vermelhas em apenas 62 calorias por barra. A Jasmine oferece ainda os Cookies+ Integrais Suply Sem Glúten – Açaí e Chia, que é uma combinação saborosa de cereais sem glúten com frutas e sementes ricas em nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo. Não deixe de experimentar esses produtos e aposte em uma dieta mais saudável para toda a família!


Compartilhe
Assine nossa newsletter para receber artigos exclusivos como esse
Newsletter

Faça parte desse movimento pela alimentação consciente!