reiki
reiki

Reiki: energia e equilíbrio por meio das mãos

por tatiana.barros
em 19 de dezembro de 2017

Quando se fala em técnicas que proporcionam bem estar e têm o poder de energização, ninguém entende melhor do assunto do que o Oriente.  E é justamente do Japão que vem o Reiki, prática que busca canalizar a energia, alcançar o equilíbrio e restaurar a saúde por meio das mãos.

Como funciona o reiki?

As culturas milenares orientais acreditam que nosso corpo é dividido por centros de força e energia chamados chacras. O reiki busca equilibrar esses centros energéticos e assim atuar nos campos físico, energético, emocional, mental e espiritual.

LEIA MAIS
Ayurveda: a medicina indiana que une saúde física e emocional
LEIA MAIS
Melhores podcasts de meditação guiada e relaxamento

Durante uma sessão, o Mestre de Reiki posiciona suas mãos em direção à pessoa, sem precisar encostar nela. O mestre imagina uma luz saindo de suas mãos e essa luz é aplicada nos seguintes chacras: coronário (topo da cabeça), frontal (entre as duas sobrancelhas), laríngeo (garganta), cardíaco (em frente ao coração), plexo solar (um palmo abaixo do coração), umbilical (umbigo), sexual (um palmo abaixo do umbigo), e o básico (períneo).

Por meio dessa técnica, a energia flui e é direcionada para os pontos em que o corpo mais precisa. Ela é vista como uma terapia alternativa e, por isso, não substitui tratamentos convencionais.

Benefícios do reiki

Essa é uma técnica que pode ajudar a aliviar problemas e incômodos comuns desses tempos, que exigem tanta saúde física e mental de todos nós.

Redução de dores causadas por estresse

Tensão muscular, fadiga, enxaqueca e dores de cabeça são sintomas típicos de quem sofre de estresse e que podem ser aliviados sem medicamentos, apenas por meio do relaxamento que as sessões promovem.

Boas noites de sono

Além de promover o relaxamento, o reiki ajuda a liberar hormônios do bem-estar, como a serotonina. Isso é especialmente benéfico para quem sofre de insônia e noites de sono agitadas.

Fortalecimento do sistema imunológico

Um estudo realizado pela Universidade Federal de São Paulo mostrou que o Reiki é eficiente como terapia complementar ao tratamento de enfermidades e, se feito regularmente, tem o poder de aumentar a atuação do sistema imunológico e assim reduzir as chances da pessoa de desenvolver doenças.

Melhora a memória

Quando aplicado nas têmporas, laterais da cabeça, o Reiki ajuda a equilibrar os hemisférios cerebrais (tanto o lado racional, quanto o emocional). Isso aumenta a criatividade e melhora a memória.

Confere tranquilidade às grávidas

As gestantes não só podem, como é altamente recomendado, que lancem mão do reiki. Por reduzir o estresse e a ansiedade, a prática diminui também a produção de cortisol e adrenalina. Em níveis elevados, esses hormônios podem provocar aumento da pressão arterial, pré-eclâmpsia e colaborar até mesmo para um parto prematuro.

Há contraindicação?

Qualquer pessoa pode fazer o reiki. No entanto, essa é uma técnica que não deve substituir qualquer outro tipo de tratamento médico, especialmente em caso de doenças graves, como depressão, diabetes, e outras enfermidades. Além disso, é sempre recomendado consultar o seu médico antes de iniciar qualquer outro tipo de terapia alternativa.


Compartilhe
Assine nossa newsletter para receber artigos exclusivos como esse
Newsletter

Faça parte desse movimento pela alimentação consciente!