producao sem gluten
producao sem gluten

Produção sem glúten: Como a Jasmine garante segurança e sabor

por Julliane Silveira
em 12 de outubro de 2017

Oferecer alimentos totalmente seguros para o consumo de pessoas que precisam retirar o glúten da dieta. É com esse objetivo que a Jasmine investiu em alta tecnologia na produção sem glúten de sua fábrica de Campina Grande do Sul (PR). A planta de 15 mil metros quadrados conta com equipamentos de última geração e laboratórios que garantem produtos seguros e deliciosos.

Produção sem glúten com segurança e sabor

Antes de começar a produção, o cuidado com os fornecedores é essencial. A área de pesquisa e desenvolvimento da Jasmine sempre analisa com critério e atenção a qualidade e o sabor das marcas que oferecem os insumos para os seus produtos.
Além disso, a fábrica de Campina Grande do Sul conta com uma área totalmente dedicada à produção sem glúten de seus pães. Somente com esse cuidado é possível garantir que o produto é seguro e pode ser indicado sem risco para celíacos.

A construção do local e a forma de produção dos pães foi muito bem pensada para zerar os riscos de contaminação. Para a Jasmine, restrição alimentar é coisa séria e não se pode correr o risco de trazer problemas aos seus consumidores. O acesso de funcionários a esse espaço é totalmente controlado e a área é separada por paredes hermeticamente fechadas e uma câmara fria garante que não entre nem saia ar do local. Tudo isso porque partículas de glúten podem contaminar alimentos por meio de roupas, pele e atmosfera. “Não percebemos nem vemos o glúten. Então qualquer falha de produção ou desvio de limpeza pode se tornar um problema”, explica Rodrigo de Pádua, gerente de produção e responsável pela planta de Campina Grande do Sul.

LEIA MAIS
Conheça a linha de pão sem glúten da Jasmine
LEIA MAIS
Doença celíaca: uma vida sem glúten

Mesmo com o cuidado extremo, toda a produção sem glúten ainda passa por análises realizadas em laboratórios externos, que atestam a qualidade e a segurança dos alimentos. Somente depois desta etapa os itens são encaminhados para os pontos de venda.
Cookies, granolas e aveia sem glúten também recebem tratamento especial na fábrica de Curitiba (PR). Antes de o turno de produção começar, as máquinas passam por um processo de limpeza profundo, para retirar todos os resíduos que poderiam contaminar os produtos. Em seguida, ocorre uma grande inspeção do laboratório da empresa, para averiguar se há vestígios de glúten nas superfícies.

Pão diferenciado

Quem consome o pão sem glúten Jasmine percebe maciez e sabor difíceis de encontrar em produtos similares. Além dos ingredientes de alta qualidade e do uso de fermento biológico, a forma de embalar o produto garante frescor e qualidade ao longo do tempo.

“Temos funcionários que trabalham exclusivamente na revisão dos pães depois de produzidos e embalados, para garantir que cheguem em perfeito estado ao consumidor”, diz Rodrigo.
Depois de assado, o pão sem glúten Jasmine é colocado em uma embalagem que tem atmosfera modificada. Alguns gases inibidores de crescimento bacteriano são introduzidos no pacote para garantir o frescor do alimento. Só assim o pão pode chegar em partes distantes  do país e até mesmo ser exportado sem perder o sabor e a textura originais.
Os pães sem glúten estão disponíveis nos sabores Tradicional, com quinoa, chia, sementes de girassol e linhaça; Frutas com Castanhas, com cranberry, maçã e castanhas de caju e do Pará; e Multigrãos, com semente de girassol, quinoa, linhaça dourada, linhaça marrom, chia e painço.
Conheça a linha completa de alimentos sem glúten da Jasmine.


Compartilhe
Assine nossa newsletter para receber artigos exclusivos como esse
Newsletter

Faça parte desse movimento pela alimentação consciente!