como desintoxicar o figado
como desintoxicar o figado

15 alimentos para desintoxicar o fígado de forma natural

por tatiana.barros
em 19 de outubro de 2017

A palavra detox virou adjetivo de vários produtos e tratamentos fitness, que buscam o emagrecimento. A desintoxicação do corpo, no entanto,  é muito mais profunda e complexa e é preciso entender como desintoxicar o fígado de forma natural. O organismo sofre com o excesso de toxinas que são produzidas depois do consumo de alimentos industrializados e processados. Além do acúmulo de gordura, ingerir produtos ruins pode causar inflamações e problemas no fígado e no sistema digestivo. Para equilibrar o funcionamento dos órgãos, é importante ingerir regularmente alimentos desintoxicantes, como algumas frutas e hortaliças.

Como desintoxicar o fígado

Alimentos com propriedades detox são ricos em antioxidantes, que protegem as células e evitam o envelhecimento precoce. Eles ainda contêm compostos anti-inflamatórios naturais, que facilitam a eliminação de substâncias tóxicas por meio dos rins e do intestino e ajudam a desintoxicar o fígado.

LEIA MAIS
Os benefícios da água com limão em jejum
LEIA MAIS
Como desinchar a barriga: saiba que alimentos deve consumir

Saiba quais são os principais itens naturais para desintoxicar o seu corpo.

Maçã

A maçã verde, em especial, é rica em fibras solúveis que eliminam impurezas pelo intestino. Sua grande quantidade de antioxidantes (especialmente a florizina) ainda protege o fígado contra o ataque dos radicais livres. Como é uma das frutas que mais recebe agrotóxicos, prefira as orgânicas.

Limão

Uma das receitas detox mais clássicas e simples é tomar água morna com limão de manhã, ainda em jejum. O limão estimula a liberação de enzimas digestivas desintoxicantes e facilita a eliminação das impurezas pelo organismo e a desintoxicar o fígado. Também é rico em vitamina C, importante para a síntese de glutationa.

Chá Verde

É uma bebida sempre recomendada para entrar na dieta de quem deseja perder peso. Além disso, o chá verde é rico em catequinas, antioxidantes que aceleram as atividades do fígado e aumentam a síntese de enzimas desintoxicantes.

Gengibre

Ingrediente sempre presente em chás e sucos, é uma especiaria que não apenas ajuda a acelerar o metabolismo como também colabora para a metabolização das toxinas e reduz seus efeitos nocivos no fígado.

Alho

Tempero natural presente em grande parte das cozinhas brasileiras, o alho é um produto conhecido no combate de gripes e resfriados. O vegetal ainda é rico em enxofre, mineral que auxilia na desintoxicação e combate infecções bacterianas.

Aspargos

A planta combate o inchaço e estimula a eliminação de substâncias tóxicas, especialmente no fígado. Inclusive, alguns estudos mostram que o aspargo ajuda a amenizar os desagradáveis sintomas da ressaca.

Beterraba

É um vegetal rico em betalaínas, substância responsável por conferir a coloração avermelhada e por participar do reparo e regeneração celular no fígado.

Açafrão

Também conhecido como cúrcuma, é um dos principais ingredientes da Medicina Ayurvédica. Ele é usado, entre diversas outras funções, para o tratamento de inflamações no fígado.

Repolho

Hortaliça rica em enxofre, que elimina metais pesados do organismo, e em fibras, que regulam o sistema digestivo.

Couve

É quase impossível ver uma receita de suco verde detox que não leve essa hortaliça na receita. Não apenas pelo alto teor de fibras que a couve tem como também por causa de um antioxidante chamado glutationa, que purifica as vias de chegada de sangue até o fígado.

Dente de leão

Um dos mais potentes alimentos desintoxicantes, o dente de leão ele age diretamente no fígado e no pâncreas.

Abacate

Outro exemplo de alimento rico em fibras e em glutationa que, entre outras funções, bloqueia cerca de 30 tipos de agentes carcinogênicos. O abacate é um tipo de fruto rico em gorduras boas, necessárias para gerar energia para o corpo.

Alga Marinha

A alga se liga a detritos radioativos presentes no organismo, o que facilita a remoção por meio da urina e das fezes.

Chia

As fibras presentes nesse superalimento regulam o trânsito intestinal e limpam o organismo por meio das fezes.  O ômega 3 ainda combate inflamações, o que evita o acúmulo de gordura.

Água

Não existe nada melhor para desintoxicar o corpo do que água. Por isso, não abra mão de tomar cerca de dois litros diariamente e evite bebidas industrializadas e cheias de açúcar.

Tags

Compartilhe
Assine nossa newsletter para receber artigos exclusivos como esse
Newsletter

Faça parte desse movimento pela alimentação consciente!